Projeto Girassol

Cada criança do infantil (acima de 3 anos) recebeu um kit com materiais para as atividades que enviamos via aplicativo. A ideia é continuar presentes nos cotidianos das famílias e seguir com o processo de aprendizagem e integração social das crianças, que em casa, podem estar se sentido isoladas. 

 

Estamos vivendo um período sem precedentes, que pede novas orientações e organização de toda a comunidade. Precisamos reaprender sobre nossos costumes. Principalmente, neste momento, não podemos deixar de encantar as crianças e com elas também nos reencantar.

 

Pensando nisso, preparamos um kit de propostas de vivência e interação das crianças com os familiares a fim de possibilitar aos pequenos seus direitos garantidos na infância: conviver, brincar, participar, explorar, expressar e conhecer-se.

 

No retorno crianças devem trazer suas mudas para formarmos um lindo canteiro, uma memória cheia de cores, marca de vida após este período que sabemos está sendo difícil para todos. 

 

O girassol é uma das flores preferidas das pessoas, chamado cientificamente por Helianthus annuus, ou flor do sol, recebe esse nome tanto pela sua similaridade visual com um sol quanto pela sua capacidade de seguir o sol durante o passar do dia.

 

Atualmente o girassol é muito produzido pela agricultura. Suas sementes são extremamente nutritivas e podem ser encontradas como petiscos, in natura para fortificar pães e massas e na forma de farinha. Elas são ricas em vitaminas do complexo B, D, E e em minerais como cálcio, ferro, fósforo, potássio e magnésio, além de ômega 6 e proteínas.  

 

Das suas sementes ainda, pode ser extraído o óleo de girassol, que não possui colesterol e é muito indicado dentro da culinária como um óleo saudável.

         

Sequência Didática do projeto de pesquisa

 

Sabemos que a criança é parte integrante da sociedade e de uma cultura. Logo, ela tem o direito de conhecer a sua volta. Reforçar os cuidados e prevenções que devemos tomar diante da realidade atual que estamos enfrentando. Neste período elaboramos algumas vivencias que proporcionem um aumento significativo de aprendizagens e interação em família.

 

Primeira etapa

Diálogo em família:

- Apresentação do material;

- Alinhavo para capa do portfólio.

 

Segunda etapa

- Mediação de Leitura – “A Lenda do Girassol”;

- Diálogo sobre a lenda.

 A LENDA DO GIRASSOL 

 

Nos livros antigos encontramos uma lenda que fala do amor de uma estrela pelo sol - a lenda do girassol.
Dizem que existia no céu uma estrelinha tão apaixonada pelo sol que era a primeira a aparecer de tardinha, no céu, antes que o sol se escondesse. E toda vez que o sol se punha ela chorava lágrimas de chuva.


A lua falava com a estrelinha que assim não podia ser, que estrela nasceu para brilhar de noite, para acompanhar a lua pelo céu, e que não tinha sentido este amor tão desmedido! Mas a estrelinha amava cada raio do sol como se fosse a única luz da sua vida, esquecia até a sua própria luzinha.


Um dia ela foi falar com o rei dos ventos para pedir a sua ajuda, pois queria ficar olhando o sol, sentindo o seu calor, eternamente, por todos os séculos.
O rei do vento, cheio de brisas, disse à estrelinha que o seu sonho era impossível, a não ser que ela abandonasse o céu e fosse morar na Terra, deixando de ser estrela.
A estrelinha não pensou duas vezes: virou estrela cadente e caiu na terra, em forma de uma semente.


O rei dos ventos plantou esta sementinha com todo o carinho, numa terra bem macia. E regou com as mais lindas chuvas da sua vida.
A sementinha virou planta. Cresceu sempre procurando ficar perto do sol. As suas pétalas foram se abrindo, girando devagarzinho, seguindo o giro do sol no céu. E, assim, ficaram pintadas de dourado, da cor do sol.
É por isso que os girassóis até hoje explodem o seu amor em lindas pétalas amarelas, inventando verdadeiras estrelas de flores aqui na Terra.

 

Sandra Ferrari Radich

Terceira etapa

- Diálogo sobre o plantio (Como Plantar?).

Como plantar seu girassol

1° passo: Separe as sementes de girassol, prepare o vaso para o plantio.

2° passo: Coloque pedras, cascalho ou fibras de palmeira ao fundo para facilitar a drenagem e preencha o restante com substrato. Caso decida por plantá-la no solo, escolha um local bem drenado e com bastante composto orgânico.

3° passo: Cada semente deve ser colocada a cerca e 2,5cm de profundidade no solo. Caso vá plantar mais de uma, dê um espaço de 10 a 12,5 cm de distância entre elas e das bordas do vaso. Tampe as sementes com substrato e regue.

Dica: Procure plantar seus girassóis direto onde eles crescerão, eles não gostam nadinha de serem replantados.

Cuidando do seu girassol

 

Apesar de ser uma planta bem resistente, o girassol também precisa de alguns cuidados e atenção para crescer rápido e sem problemas.

- Iluminação: O girassol é uma planta que precisa de exposição diária ao sol. Mesmo as pequenas necessitam de pelo menos 4h em luz solar direta. Em apartamentos sem varandas, os parapeitos ou lugares onde o sol bata com intensidade são as melhores escolhas para deixar sua flor.

- Irrigação: O girassol é uma planta que precisa de mais água do que o comum, principalmente durante o seu crescimento. Regue-a sempre em no máximo de dois em dois dias. Mas lembre-se, gostar de água não quer dizer que ela queira morrer afogada, o bom e velho teste do dedo para verificar a umidade do solo é sempre bem-vindo. Caso a terra já esteja bem úmida, deixe a rega para amanhã. Plantas já desenvolvidas podem receber irrigação em menor frequência.

- Cuidados: Os girassóis são verdadeiros chamarizes de abelhas e pássaros. Caso eles estejam atacando suas sementes, você pode protegê-las com uma tela para dificultar que eles as retirem. No início do plantio procure retirar outras plantas e ervas daninhas que surjam ao lado deles, para evitar que concorram com os nutrientes do solo.

- Temperatura: Ótimo para o clima brasileiro, o girassol tolera temperaturas elevadas e cresce bem entre os 18°c e 33°c. Procure evitar baixas temperaturas durante o ciclo de cultivo. Ventos fortes e tempestades podem danificar suas flores.

- Crescimento: Os girassóis gigantes, de maiores tamanhos, ao crescerem, podem acabar ficando pesados demais para seus próprios caules, principalmente se mantidos em terras com poucos nutrientes. Caso isso aconteça utilize uma estaca de madeira, cano ou graveto para ajudar na sustentação da sua planta.

 

Lindas, fáceis de cuidar e ainda por cima nutritivas, os girassóis são ótimas plantas para ter em casa, alegrar o ambiente, estar próximos da natureza, de pássaros e bichinhos dos quais as crianças adoram observar e conhecer como vivem.

Quarta etapa

- Decoração do recipiente que será utilizado para o plantio. Vale usar da criatividade e imaginação;

Observação: O recipiente fica a critério da família (um vaso, um pote...).

Quinta etapa

Regar o girassol, observar sua germinação e crescimento;

Sexta etapa

- Desenho de observação do girassol;

Sétima etapa

- Fazer uma culinária utilizando ingredientes tais como: sementes de girassol, óleo de girassol, farinha de girassol... 

Oitava etapa

- Fazer a documentação incluindo as fotografias, desenhos e escrita do processo.

Criar assim o mapa conceitual do projeto e organizar portfólio. 

Rua Conceição de Monte Alegre, 796 - Brooklin

CEP: 04563-062 - São Paulo - SP

Telefones: (11) 3473.3250 / 3473-3251 / 99228-2200

e-mail: contato@bercarioespacosingular.com.br

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco